SKIN I LIVE IN

Vichy Homme | Caudalíe Paris | Lierac Homme

Enquanto os meus comparsas do sexo masculino perdem inúmeras horas fechados em ginásios, e elas em solários, eu prefiro manter a minha magreza do costume e preocupar-me com a frescura e a suavidade da minha pele particularmente a da cara. Além da recorrente máscara de olheiras gelada que coloco matinalmente de quando em vez. De alguns produtos para o acne que ainda mantenho desde a adolescência, adoro o creme/gel anti-olheiras da Lierac Homme. É gelatinoso e eficaz para corrigir as marcas inevitáveis de uma noite mal dormida. Eu sou algo sonâmbulo e taciturno, durmo poucas horas, e nem sempre consigo acordar sem estes malditos contornos negros nos olhos, antes até via algum charme nesse olhar carregado, agora sou adepto de um visual mais imaculado. Daí ter retirado a barba, quero uma pele de bebé sem rugas, com firmeza e luminosidade. Agrada-me a palidez de algumas pessoas mas acho que no verão toda a gente quer um bocadinho mais de cor. E eu não fujo à regra. A Vichy tem uma vasta gama de produtos de beleza para o público masculino, o meu favorito é o creme hidratante de uso diário. Um dos truques caseiros que mais utilizo é uma máscara de mel e açúcar como esfoliante que funciona muito bem antes do banho, molhar a pele facial com água morna, permitindo abrir os poros, aplicar a máscara, massajando suavemente e no fim retirar com água fria. Superb!

EAT! EAT! EAT!



A necessidade aguça o engenho...

Nunca antes havia pensado em ser capaz de confeccionar um puré de ervilhas sozinho, apenas com uma leitura rápida da receita na internet. O ter começado a viver só, fez com que além de me desenrascar na comida, partisse à descoberta de novos sabores. Como todo eu sou fruto e caso pesado de experimentalismo, os pratos das minhas refeições têm ficado cada vez mais bem ornados e saborosos. As especiarias, como manjericão ou alecrim já não falham. Até algumas tentativas vegetarianas já fiz. Mas nada me atrai mais que uma suculenta fatia de bacon frito ou um bife grelhado. Quando se come bem, é impossível parar, e dá-me mais prazer comer algo bonito, cativante ao olhar, que um prato tradicional e enfadonho. Ainda assim não dispenso as papas de sarrabulho, ou um bom caldo verde. É curioso treinar o nosso paladar, calibrá-lo, o meu pelo menos é raro se queixar de monotonia. Visto que uma das minhas regras gerais, é não repetir nada, nem roupas, nem a mesma comida quanto mais não seja no mesmo dia.

BILL WHITE SHOES


Os meus fiéis seguidores que devem ser perto de duzentos, ou pelo menos quero eu acreditar que sim.
Sabem da minha enorme devoção por sapatos, especialmente os da marca nacional Fly London se tiver mais de dez pares de sapatos, não é um feito demasiado chocante, claro está não me esquecendo dos que já estão demasiado velhos/gastos que já não uso. Eu acredito que adquiro em cada temporada pelo menos um par, isto desde que descobri as lojas de venda ao público sediadas nas fábricas da marca no norte do país. Até uma visita guiada já fiz a uma delas. À de Paredes de Coura, mas estes sapatos adquiridos por €10, sim leram bem, foram comprados na fábrica perto de Guimarães da Kyaia. Trata-se sempre de produtos que não escoaram ou então têm algum subtil defeito, como arranhões, manchas, costuras descosidas, estes tem apenas algumas arranhadelas na sola, mas pergunto quem irá ver a sola dos meus sapatos?
Não sendo perito em adivinhação acho que é pouco provável que alguém olhe para a sola. Mas o desenho, e o facto de serem brancos, e o fecho de descolar ser similar ao do calçado mais desportivo, foram os verdadeiros detalhes que mereceram a minha atenção. E o preço porque a média varia entre €35 sapatos/sapatilhas e €55 botas/botins tanto para homem como para mulher. Existem ainda modelos para criança, a coleção de roupa, bem como malas e óculos de sol. Quando passarem na zona, são dois sítios de paragem obrigatória se andarem com necessidade de renovar a vossa coleção de calçado.



MORADAS DAS LOJAS

Guimarães
Rua 24 de Junho 453
4800-128 Penselo
GPS: 41.467121, -8.274139

Paredes de Coura
Chão Gandra-Formariz 
4940-686 Chão
GPS: 41.467121, -8.274139

NIGHTTIME CONTEMPORAINE

video

A ameaça iminente da chuva não foi o suficiente para abalar uma espera na linha da frente. A causa principal de ter ido ao festival, era o seu nome, que sei de cor não apenas por ouvir frequentemente mas por eu mesmo, ser habitado por essa espécie de tristeza de/e ao contemporâneo. Falemos das batidas, das letras vagas que nos tocam, dos acordes electrónicos magistrais, e dos percursos caminhados ao som das suas músicas. Em dias de chuva e de sol. Durante o seu concerto eu nem senti a chuva, foi como se o tempo tivesse parado por momentos, as luzes torneassem os movimentos em palco e os meus saltos no estrado. Como quatro pessoas podem ser capazes de animar tão bem uma plateia castigada pela mau tempo, que parecia que tinha subitamente acordado para dançar e se divertir um bocado. Eu acho que isso é um dote e uma capacidade que apenas as melhores bandas conseguem alcançar. Saber bem entreter uma plateia. Porque se fosse para ouvir apenas a música, ficávamos no quarto com ela ligada nas alturas. Foi possivelmente o melhor concerto que já assisti este ano. Elevado à potência do som ainda que molhado e abençoado.