PRADA OUTONO/INVERNO 2011/12

HARMONIA ATRAVÉS DO GROTESCO/RETRO NO INVERNO DE PRADA...

Prada prova uma vez mais que o grotesco, não está ao alcance de todos. Uma colecção moderna, poderosamente adornada, com detalhes retro. Que invocam, um passado, não muito longínquo da moda europeia. O brilho ironicamente misturado, com peças enfadonhas e grotescas, sapatos num formato antigo, a fazer lembrar os dum lar de idosos, tocados pela mão jovial e futurista da Miuccia, que os coordena com sumptuosas malas em tons claros, para com eles contrastarem. Há sempre poesia, nas colecções da Prada, pode ser ou não facilmente interpretada, mas existe, uma preocupação incomensurável, em gerar um produto, controverso, sóbrio, apenas com uns suaves mas brilhantes apontamentos de cor, enquanto as restantes marcas, se pautam pelas cores garridas, como o laranja, o verde ou o bordeux, a Prada não, age com subtileza, depura as tonalidades, a fim de gerar harmonia, e um visual sóbrio mas muito bem condimentado…Mais um BRAVO para a visionária Prada!

2 comentários:

  1. Gostei tanto desta colecção. Oviamente, Prada não segue tendências, cria-as. :D

    ResponderEliminar
  2. Aquelas malhas brilhantes, nao me canso de o dizer, são fantásticas, o clássico misturado com o minimal! ai eu amo!
    Cs1993

    *actualizem por favor: http://nadaparavestir1993.blogspot.com/

    ResponderEliminar