SWITCH TO MUTE

As ideias deixam de fluir livremente, chega a um ponto em que tudo estagna, aí por mais que se tente clicar no botão da !nspiração para retomar as actividades laboriosas de reflexão e em torno de algum conceito ou objecto, tratar de levar a cabo uma nova recriação, tudo deixa de funcionar. As sinapses não avançam, as dores e a fadiga aumentam, os achados acumulam-se e a esperança de dissipar uma lista sem fim de desejos é o subterfúgio de uma rotina cheia de lapsos, esperas, e reticências. Como se cessassem as palavras de esquivar da minha mente, ou da boca de quem eu ouvir a falar..."mudas" já não as poderei conectar e por tempo indeterminado nem o botão "desligar" do silêncio saberei apertar. Além dos achados importa recordar que mais vale esperar até mais tarde, dado que Paris-Dallas parece ser o texano laxante ideal para suprir quiçá esta flatulência criativa...Logo se descobrirá.

1 comentário:

  1. senti-me inspirado com o que escreveste. dedico-te o meu próximo look! ;)

    ResponderEliminar